Busca
Data  / 
Nome
GLOSSÁRIO
Deus
Padre
Papa
Sacerdote
Santíssima Trindade
Trato

  SÃO FÉLIX DE VALOIS

Félix de Valois abriu mão de ser rei da França para ser um simples sacerdote, o que demonstra a alma caridosa e despojada que tinha. Nascido em 1127, tomava a decisão ainda na juventude, depois de chamar a atenção, desde criança, pela precoce preocupação com os pobres e necessitados.

Mas Felix não conseguiu ser um simples sacerdote e transformou-se em visionário e histórico libertador de cristãos. Viviam-se os tempos em que os piratas mouros aterrorizavam o Mar Mediterrâneo, assaltando navios, atacando cidades portuárias, matando, saqueando e levando os cristãos sobreviventes como escravos. Estes se consideravam verdadeiros inimigos da fé ocidental.

Nascido de família nobre, Félix tinha à sua disposição todas as regalias da corte. Mas, ao abrir mão por antecipação do trono que lhe caberia no futuro e tornar-se sacerdote, escolheu também a vida solitária e humilde dos eremitas. Isolou-se, para se dedicar unicamente à religião, mas não conseguiu ficar sozinho por muito tempo. O Criador tinha outros planos para ele.

Procurado por João da Mata, também doutor e sacerdote, Félix o aceitou mais como companheiro do que como discípulo. Foram três anos de aprendizado recíproco, de união entre a santidade de Félix e a inteligência e praticidade de João da Mata.

Até que um dia, durante uma caçada, tiveram juntos uma visão divina. Nela, Deus os chamava para lutar pela libertação dos cristãos que sofriam como escravos nas mãos dos mouros turcos, através da fundação de uma ordem com este fim.

Sem temer o perigo que a empreitada acarretaria, Félix e João puseram mãos à obra imediatamente. Foram a Roma exclusivamente para narrar ao papa Inocêncio III a visão e o objetivo.

Não só o papa reconheceu neles sinceridade, coragem e força suficientes para a espinhosa missão, como teve ele próprio a mesma visão dos sacerdotes. Aprovou e apoiou então a criação da Ordem da Santíssima Trindade para a Libertação dos Cristãos.

O primeiro convento da Trindade foi erguido em Cerfoi, o mesmo local da visão original. Enquanto João cuidava da organização da ordem e suas atividades apostólicas, Félix trabalhava na formação espiritual dos membros, cujo número crescia sempre mais, atraídos pela santidade de Félix.

A luta foi grande e penosa, mas em pouco tempo muitos cristãos conseguiam recuperar a liberdade e a condição social de antes de serem feitos prisioneiros. Os padres chegavam a se entregar como escravos, para realizar internamente o trabalho de libertação. Assim, cumpria-se a profecia de outra visão de Félix: a de que os membros da ordem passariam por vexames, perseguições e maus tratos até conseguir a liberdade para cada um dos cristãos devolvidos à sua comunidade.

Depois de uma vida de vitórias e conquistas para o cristianismo, São Félix de Valois morreu no primeiro convento por ele fundado, em Cerfoi, com oitenta e cinco anos de idade. Foi canonizado pelo papa Urbano IV.

(© 1997-2002 Direitos reservados Pia Sociedade Filhas de São Paulo - www.paulinas.org.br)

  
  



© 2002 Kreanto Informática - editor@santamissa.com.br - Uso e Privacidade - Sobre...
Todas as partes da celebração comentadas em detalhe. Preces para dar graças e para pedir a luz divina. Exemplos de vida cristã. Pérolas da sabedoria do Rei Salomão. Artigos e comentários atuais. Calcula as festas e datas móveis para qualquer dia e ano. Definição de termos usados no site.
A Missa diária para seu conforto espiritual.